fbpx

Selecione a página

Descubra Como Agradar o Público e Conquistar mais fãs Engajados

por | Mais Fãs

Hoje vamos falar sobre como agradar o público. Para isso, vamos entender o que o público realmente espera de um artista? Será apenas música de qualidade? A resposta é NÃO.

Independente do segmento musical que seu público tenha preferência, rock, axé, gospel ou sertanejo, por exemplo, todos têm um objetivo principal quando vão a um show. Então se você entender esse objetivo e entregar o que seu público quer, com certeza irá atrair muito mais fãs para sua carreira.

Assista ao vídeo e veja como agradar o público

Sempre que alguém vai a um show, um barzinho ou qualquer outro lugar onde você estiver tocando, esta pessoa não está em busca apenas de música, comida ou bebidas. Seu público está lá em busca de experiências.

Então, quando digo “experiência”, não quero dizer da experiência que você adquire durante sua carreira. Estou falando das “experiências” de vida que o seu público deseja.

Todo fã quer ir a um show que marque sua vida e seja inesquecível, quer ter uma experiência positiva para se lembrar para o resto dos seus dias.

Uma banda, uma dupla, um cantor solo ou um DJ que oferece experiências em vez de apenas música, tem seu trabalho muito mais valorizado no mercado e por isso não falta público para lotar seus shows.

A lama do Rock in Rio

Em seguida, vamos pegar como exemplo o Rock in Rio de 1985. Dizem que este foi a melhor de todas as edições do evento (infelizmente não era nem nascido na época) e quem esteve por lá naqueles dias jamais se esqueceu da experiência.

Quer uma prova que experiência tem mais valor que você imagina?

Dê só uma olhada na imagem abaixo. Uma lama dentro de uma placa de acrílico vendida no valor de 185 reais.

Lama de 1985

Sabe por que este objeto foi um sucesso em vendas no Rock in Rio de 2015?

Porque, segundo os organizadores, dentro daquela placa de acrílico está a lama que o público pisou na edição de 1985, que comentei anteriormente.

Portanto, quem esteve naquela edição teve uma experiência tão marcante que, mesmo depois de 30 anos, a pessoa paga quase duzentas pratas pela lama que pisou naquele dia sem problemas.

As boas lembranças que aquela lama despertam na pessoa têm muito mais valor que os R$ 185,00.

Em conclusão, agora cabe a você refletir e encontrar os melhores caminhos para agregar o máximo possível de experiências positivas em seus shows. Seja no seu repertório ou performance, o importante é marcar a vida de quem te ouve.

A partir do momento em que isso for um hábito para você, cada vez mais as pessoas se tornarão admiradoras e fãs da sua música.

Os 7 Verbos do Marketing Musical
5/5 - (1 vote)

O que Está Faltando para o Seu Sucesso na Música?

Conheça Os 7 Verbos do Marketing Musical. O livro que está ajudando milhares artistas a conquistar mais fãs, mais shows, mais renda e mais sucesso. Começando do zero, sem empresários ou altos investimentos.

Livro Marketing Musical

6 Comentários

  1. Vera Silva

    Caramba!Gostei muito do artigo do seu site. Estarei acompanhando sempre.Grata!!!

    Responder
  2. Cláudio Luiz Sá Brito Machado

    Excelente artigo, Lucas! Lembro o Rock in Rio de 85. Se não me engano, foi o primeiro.
    Sobre as experiências, devem ser uma troca com o público. O Roberto Carlos materializou isto na composição Emoções, que também foi nome de seus shows durante algum tempo.
    Salvei sua página Mais Fãs nos favoritos, como você sugeriu.
    Você pediu em outro artigo que déssemos nosso feedback. Então, vou sugerir um tema que para mim é muito importante: como um compositor pode conseguir encontrar bandas ou cantores que gravem suas músicas.
    Obrigado e parabéns pelo seu excelente projeto!

    Responder
    • Lucas Xavier

      Oi Cláudio, obrigado pelo seu comentário. Quando o artista da ao publico a emoção esperada, ele retribui de uma forma mágica. Vc tem toda rasão. Obrigado pela confiança, continue acompanhando.

      Responder
  3. Tulio

    Legal cara, mas fico na dúvida sobre como gerar essa sensação no publico quando você está tentando levar pra frente um trabalho autoral que não é muito conhecido.

    Responder
    • Lucas Xavier

      Você tem rasão Tulio. Quem está começando pode agregar experiências com músicas mais consagradas. Mas quando a música é autoral, é muito mais difícil. O que eu indico é você estar sempre atraz “da música” que vai gerar mais experiências positivas no público. Se por acaso as músicas autorais que vocês fazem nos barzinhos não são pedidas de novo ou lembradas pelas pessoas, vá trocando de músicas até acertar. Infelizmente é por tentativa e erro que você vai achar a música certa.

      Responder
  4. Fábio Ferraz

    Parabéns Lucas, arrebentou no conteúdo mais uma vez!

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *